Da (Não) Primavera!!

Gostava de vos explicar o mau tempo que está! Da confusão que isto me faz!!

Chuva torrencial numa altura destas, prestes a entrar em Junho…
Eu nem sei mais em que pensar, para me esquecer da falta que o sol e o calor me fazem…

O sol não se demora mais do que um par de horas, o carro marcava 8!!!! graus e está muito longe de estar um tempo estável…
Juro que isto não é queixar-me porque já me habituei à chuva e se Deus quiser hei-de apanhar bom tempo, mas juro que gostava que percebessem o que por aqui se vive…

Se fosse nascida e criada aqui, provavelmente também não saberia sorrir…

Boa Tarde.

Do adormecer…

Há muito tempo que não me sentia como ontem.
Adormeci em cima da cama, agarrada a ti meu pequeno, com uma mantinha por cima. Pela primeira vez em muitos meses, não me desmaquilhei, não lavei os dentes..
O cansaço era de tal ordem, que tudo ficou como estava, sem qualquer capacidade de reacçao… O que estava fora do lugar, fora do lugar ficou, computador ligado, ecran aceso..luzes e velas…

Se o cansaço fosse amigo do sono, nunca permitiria que os pesadelos pudessem ser convidados para noites destas…Tal não acontece…
Tive um sonho horrível, recorrente, que me deixa bastante em baixo..

Acordei as 5.15..Dia completamente claro, não fosse o nascer do (não) sol por volta das 4 da manhã..
Maquilhagem deplorável, olhos num estado lastimável…imediatamente fui tratar de mim…

Tinhas coisas para organizar, as tarefas diárias que de mim dependem…Não fui capaz de obedecer. Tenho tudo feito agora, mas e este cansaço?
Dormiria até mais não….
Tenho a alma desgastada, e o meu corpo sabe disso.

Bom dia.

Da fotografia.

A fotografia tem-me ajudado em tudo.
Tem-me ajudado a viver, tem-me ajudado a me (re)descobrir, tem-me mostrado locais e recantos que de outra forma não conheceria, tem-me feito olhar para a Natureza com outros olhos, tem-me ajudado a descobrir cores, flores, nuvens e tons…

Mas o melhor, mesmo melhor, que a fotografia me tem oferecido…são as pessoas.
Tenho conhecido pessoas, não muitas confesso, de idade avançada, que são as únicas que comigo metem conversa. Tenho me deliciado a trocar poucas (mas grandes!) palavras….. Em alguns casos por não dominarem o inglês, outros por eu dominar ainda menos a língua deles.

Hoje aconteceu-me isso. Fui fotografar a uma pequena localidade de veraneio, com poucas casas mas todas elas certamente de elevado valor, e eis que comecei a fotografar umas flores que pensei serem públicas. Nunca me ocorreu, por um momento que fosse, que aquele jardim fosse privado…
O senhor apareceu, idade avançada, semblante carregado no começo. Mal me olhou percebeu que eram apenas as flores o que me movia, e a paz..
Deu-me tempo para captar, fazer planos e contínuas repetições. Depois convidou-me a visitar o jardim interior da casa, e fez questão que o fotografasse. Mostrei-lhe as fotografias que elogiou..

Acho que sentiu a tristeza no meu olhar porque no fim enquanto me mostrava as papoilas de jardim, sorriu e perguntou de onde era…
Foram não mais de 10 minutos, mas juro que me valeu por um mês..

Cada vez tenho mais a certeza que a vida merece ser vivida..Nunca saberemos quando um velhote nos vai querer mostrar as flores do seu jardim..em troca de um sorriso.

Esteve sol e esteve chuva.
A(s) minha(s) gaiolas fizeram-me companhia…

Boa Tarde.

Do sol quando vem…

Se não vires o sol sempre, lembra-te que ele virá mais dia menos dia…
Quando ele aparecer, sai, aproveita-o, fotografa-o, sente-o na tua pele e sorri.

A vida pode ser maravilhosa e a saudade não apaga nada. Apenas engradece o que sempre foi grande.
Boa Noite.

Do tempo.

Cada vez mais me convenço que devemos aproveitar aquilo que a Vida nos oferece.
Que devemos aproveitar um dia de sol, mas tambem saber viver com um dia de chuva…
Habituei-me a não fazer planos. Todos os que tinha para mim sairam-me furados e portanto preciso é viver. Um dia de cada vez, uma manhã de cada vez, uma hora de cada vez…
Ontem esteve um dia espectacular, de céu azul, nuvens brancas e uma temperatura aceitável…
Anteontem tinha chovido a potes, o mesmo acontecendo daqui a uma hora e amanhã…
Poderia ficar furiosa com isto…já não fico…têm sido tantos os contratempos, que aceito aquilo que a Mãe Natureza tiver para me oferecer…

Ontem pelo menos vi flores a brilhar..Isso tem que ser suficiente para eu sorrir..
Bom Domingo.