Boa noite!!!

Advertisements

Saudade.

Nunca pensei ser possível sentir tanta saudade!

Saudade mata! Tenho saudades de tudo. Mesmo Tudo. Das mais simples coisas, dos mais simples sorrisos e trejeitos, dos mais simples abraços, dos cheiros, das comidas da minha terra, da terra (mesmo terra!) do meu quintal. Dos vasos antigos da minha avó, dos pneus do jardim da minha mãe que eu mesma pintei, de andar no “campo da bola” mesmo frente a casa, da minha mãe a chamar por mim, de mim à espera do meu pai para irmos correr todos os supermercados da vila, “à cata” de promoções..

De quando era pequenina e ía com os meus pais ao Grémio alentejano, o cheiro característico que aquela loja tinha. Do meu irmão a chamar-me “alpigarça” que hoje sei ser o mais carinhoso dos nomes.

E saudades dos que não conheço desde sempre, mas ainda assim moram dentro de mim. Hoje e Sempre.

Hoje é dia de Saudade para mim. Tirando hoje, são todos os dias.

Image