Voo 4U9525

Para se entender melhor…

Advertisements

Dos aviões.

Tenho medo de aviões.
Faço por evitá-los e nunca estou tranquila quando vou viajar de avião e dentro, em viagem.

Hoje aconteceu mais um acidente aéreo. Em plena Europa, (já não acontece só na Ásia!) o que torna o cenário ainda mais aterrador. Um voo com destino a Düsseldorf proveniente de Barcelona. Caramba estamos a falar do país irmão, vizinho e de outro que fica a meia dúzia de kilómetros. Para mim a Europa é toda ao lado uma da outra…No local onde estou estou tão longe e sinto-me tão perto, que as distâncias ja não são mais as mesmas para mim, nem os quilómetros se medem com as medidas de outrora…

Olho para estes acidentes com bastante apreensão. 150 pessoas perderam a vida.. Não sabemos ao certo o que aconteceu, sabemos sim que na zona dos Alpes Franceses onde se deu o acidente, não há acesso rodoviário e portanto todo o trabalho de buscas e recuperação de corpos, será feito com a ajuda de helicópteros…
Não quero nem imaginar…

Algo muito triste a que não consigo ficar indiferente…
Já vos disse que detesto aviões?!

Boa Noite.

Love Story.

Não perco horas a ver televisão.

Neste momento não tenho essas horas e o tempo não me chega para o que me é suposto fazer. Por norma prefiro escrever ou ler porque me parece melhor preenchido o tempo.

Estive a ver televisão. Entre os inúmeros canais à disposição, aqueles onde páro são quase sempre os mesmos….ou vejo programas de culinária, ou programas que abordem o chamado lifestyle, ou o travel, ou algo para encher chouriços. Hoje parei na Fashion TV. Best photoshoots! Ouro sobre azul. Retrato, fotografia de moda, de produto é das coisas que cada vez mais gosto de fazer.

Há magia neste vídeo de como foi feita esta campanha da Chloé. Fotografia, vídeo e uma atmosfera realmente impressionante ou não se passasse na minha cidade de eleição. Se eu alguma vez tiver a sorte de vir a ganhar a vida a fotografar, nem que nao ganhe muito, serei de certeza muito mais…….Tudo.

Deixo-vos um cheirinho…

Boa Tarde.

Apps-2

Lá está.

Interrompida a meio. Sem possibilidade de terminar o post.

Estou sem forma, sem meios, sem material para continuar a escrever. Nao me consigo concentrar nem entrar em mim própria se escrever no computador. Eis a razão porque nao consigo escrever, colocar fotos, o que seja. Isto não é não querer é nao ter como.

Complicado assim.

Tentarei o melhor que consiga. Para fazer chegar, o real de mim.

Bom diawpid-wp-1425481061372.jpeg

Apps.

Não sou dependente.

De nada. Nem de ninguém.

Tenho plena consciência disso, embora assuma que possa ser essa a ideia que passa para quem me observa.

Consigo estar sem Internet, consigo estar sem computador, consigo estar sem telemoveis. As pessoas haverão sempre de superar a tecnologia, e prefiro uma boa conversa a um deslizar de scroll.

Há no entanto uma certa exigência da minha parte para com isto do mundo na blogoesfera. Não gosto de não vir aqui. Não gosto de ficar ausente muitos dias, não gosto de fazer de conta que isto não existe.

Mas tem sido complicado. Os sistemas operativos são tramados, as apps são na maioria muito deficientes e com grandes bugs. Se numas a plataforma de escrita é excelente, tem a agravante de não ser possível anexar media (fotos ou links)

Hands.

Não me canso de olhar as mãos.

Sempre as mãos que tanto me dizem, que tanto me confortam. Nos momentos menos bons mas principalmente no sempre de que é feita a minha vida.

Nunca me cansarei de as olhar.

Porque me dizem muito.

Porque me dizem tudo.

Infinito será sempre maior que tudo!