De Hoje.

image

Deus presenteou-me com os dias mais solarengos, mais azuis, mais amenos que tenho memória aqui.
Apesar de continuar com a alma cinzenta…que só me passará nem sei quando ou se passará, tenho pelo menos estes dias em que posso tentar recordar (ainda mais) o meu país.
Não tenho céus cor de rosa ou roxos, não tenho os meus pastos, mas tenho que aproveitar o Sol.

Tenho tantas saudades daquelas que acumulam.
A cada dia.

Boa Tarde.