Do fotografar.

image

Não sou fotógrafa.
Caramba, nem sequer nunca me sentei nos bancos de nenhum workshop, de nenhum curso real ou virtual de fotografia.
Leio muito? Sim?
Vejo muito? Demais.
Vejo centenas de fotografias por dia. Que transfiro. Trabalho. Manejo.
Vejo muita coisa, vejo muitos ângulos, vejo imagens fabulosas e sim isso tornou-me mais exigente..
Identifico autores pelo traço.
Pela espontaneidade individual que caracteriza cada um deles.
Se isso me fez mudar um bocadinho do que sempre achei maravilhoso? Nem um milímetro.
Se tivesse que ver as fotografias alusivas a um tema, os meus likes  seriam os mesmos, provavelmente os meus comentários também.

Aprendi muito.
Sozinha.
Com as crianças. Por tentativa e erro.
Tenho (muito) medo que a minha máquina morra. Que de um dia para o outro o sensor se passe e que nada reste..
Até lá, vou continuar a fazer o que tanto me agarra à vida.

Não são os excelentes que muitas vezes são os melhores.
São os que fazem fotos que tocam o coração dos outros.
Esses sim são os Especiais.
Os únicos!!!

Advertisements