Ainda.

Continuo mal.
Arrasto-me, sinto fraqueza e dores no corpo. A medicação do pequeno foi alterada para comprimidos mas na mesma implica acordar a meio da noite e ensina-lo a engolir comprimidos.
Continua em casa. Eu continuo com muito esforço a tratar dos compromissos que consigo e tenho uma cama sempre ao dispor para descansar.

Tenho que trabalhar no fim de semana e não sei como o vou fazer.
**