Do Euro 2016.

image

Das coisas que mais gosto de ver nos eventos desportivos de relevo são as cerimónias de abertura e de encerramento.
Há toda uma magia, um entusiasmo, uma mega produção, uma ansiedade, uma excitação, que me fazem ficar agarrada ao ecran.
Simplesmente Adoro.

Confesso que estou muito receosa quanto a este Europeu, pelo que lá possa acontecer de menos bom..
Este Mundo está muito longe de ser perfeito e justo, e portanto a morte de inocentes é coisa que me faz muita confusão.. Penso que estarão reunidas as [condições máximas] de segurança mas se não for num estádio pode ser numa envolvente, e nunca se sabe..

Ontem foi dia de abertura do Europeu..
Ainda não foi a nossa equipa a jogar,  mas vai chegar o dia, já na terça feira..
Confesso que a selecção é a única equipa que me faz vibrar, é o meu País e merece que me vista a rigor, que meta o braço ao peito na altura do hino e verta as lágrimas que tiver que deitar.
Porque o meu País, a minha Nação, as cores da minha bandeira, têm hoje em mim mais do que o significado que tinham.
Nunca mais olharei para o Galo de Barcelos da mesma forma, nem para o coração de Viana, nem para as farinheiras, chouriças e os sumos da Compal.

Sou hoje uma pessoa diferente.
Totalmente diferente.
Se o meu interior mudou? Nada.
Apenas aprendi a Ver e Sentir, o que só Vê e Sente, quem está longe.

Boa Noite.
**