Obrigada. 

2016 foi um ano de viragem.. Foi o ano que me trouxe, algo que queria tanto, foi um ano nem sempre fácil, foi um ano com alguns problemas de saúde, com sustos tremendos que finalmente pós exames não passaram disso mesmo.., um ano de trabalho com a execução do Yearbook a meu cargo, um ano de fotografias, um ano de saudade, um ano que termina de novo com a saúde debilitada, com novas medicações e com analises marcadas para achar a bacteria específica que aqui anda.. 

Mas é um ano para dizer Obrigada. O meu regresso foi algo que queria muito.. Queria ler em português, comer em português, poder realizar em português, queria trabalhar e consegui, e estar mais perto, estar aqui, respirar o mesmo ar, o mesmo sol, o mesmo Outono cheio de calor e o mesmo Inverno cheio de luz.. 

Porque cada dia é uma dádiva, Obrigada. Porque desse lado estão pessoas [muito] especiais para mim, Obrigada. 

2017 será um novo ano. Com saúde tudo se tornará especial. Porque cada dia, cada noite sonhada, é uma dádiva. 

**

Bom dia! 

Dia duro este. Revisito cada minuto do dia.. 30 Dez. 1997.Saíra de manhã para fotografar (foram aí os primórdios desta minha paixão).. (máquina emprestada porque não tinha) em jejum, sem nada comer (era hábito fazê-lo, sempre fui um castigo para comer de manhã).. Guardo religiosamente o álbum que haveria de resultar. Lá está a última foto que tirei antes do acidente (um casal de velhotes que apanhei na lavoura).  

A partir daí foi algo que não consigo esquecer.. 

Bom dia para esse lado. 

**