Time to. 

Tenho por vezes a sensação que a Vida me foge.. Como se nem tivesse real noção do quão rápido o tempo passa.. De como ainda “ontem” estava tão longe, hoje estou aqui e do amanhã nem sei [nem ninguém sabe].. 
Quando vim percebi que não teria tempo para organizar tudo o que tinha.. Chegaram quase 50 caixas e arrumei-as uma por uma. Cá e lá. Empacotei e desempacotei. Tirei do lugar que lhes tinha criado e agora invento lugares que não existem para lhes [tentar] dar a alma que lá tinham.. 

Eu faço tudo bem, direitinho, mas nestas coisas preciso dos meus timings e de tempo.. Não tiro por tirar. Não arrumo por arrumar. Das quase 50 caixas e dos inúmeros sacos de vácuo que arrumei, restam-me apenas 4. Hoje arrumei outras 4.. Sentei-me no chão à chinês para conseguir, com as dores, tratar do que tinha que arrumar. .e assim arrumei.. Deitei coisas para o lixo, revivi memórias, e organizei em modo lato, tudo o que trouxe de lá por serem coisas que me dizem muito e cá não há.. [quadros e molduras com “quotes”, postais, blocos, material para scrapbooking, stickers e coisinhas diversas de que gosto para lá de muito..] Tenho muita coisa para organizar por categorias.. Das caixas que sobraram eram essencialmente coisas não essenciais, passando a redundância.. Eram algumas roupas que sabia que em trabalho não usaria, num projecto como o que tive, algumas malas minhas [desde que cheguei, ainda não mudei de mala uma única vez, tem sido sempre a mesma!!], livros e cadernos de escola do pequeno e brinquedos, 2 caixas com decorações (sei que algumas coisas vêm partidas, percebo pelo chocalhar) e algumas coisas que não tive paciência para filtrar lá e tenho, forçosamente, que o fazer agora. 

Sou uma pessoa péssima a lidar com objectos.. Melhoro a cada dia, deito hoje fora com uma pinta do caraças, mas ligo-me emocional e sentimentalmente, a tudo e mais alguma coisa.. Sou incapaz de deitar fora recados, post-it’s, mensagens, rascunhos, se isso me disser algo, se me reportar a um momento que considere marcante. Sei que tenho que melhorar isto, que tenho, como hoje, ser capaz de deitar fora.. Para abrir espaço vou fazendo razias. . Deito fora sem dó nem piedade. Isto foram os 40 anos que me trouxeram. Sempre tive dificuldade a gerir este aspecto e hoje sou muito feliz por conseguir ter subido uns pontos nesta matéria. 

Parei agora para escrever e porque por hoje não sou mais capaz.. 

Hoje foi tempo..  de organizar.  

**