Lixos com riqueza. 

Ontem arrancou a minha jornada. Trabalhei muitas horas e ressenti-me das costas, percebi que se calhar a agenda e o powerbank têm que ficar no carro, porque fiquei cheia de dores..

Comecei a minha rotina, os meus kms, a minha ida e vinda constante de uns lugares para outros. Comprei fardas para o pequeno, fui buscar os livros que faltavam, e sempre a ansiar por um banco para me sentar [tal qual a minha mãe, revejo-me tanto].. 

Num dos locais onde vou muito, deparo-me com estes azulejos. Detesto ver azulejos no lixo e nem sei explicar porquê.. Talvez por ter uma panca com azulejos, que adoro. Acho-os obras de arte, peças que decoraram ambientes, que adornaram casas.. Ver isto foi o momento do dia que me fez fotografar.. 

Trabalhei tantas horas que dormi seguido. Uma raridade que acusa o cansaço que sentia.. Recomeçar custa.. 

**

Advertisements