End of July. 

E amanhã já é Agosto. Uns terminam as férias, outros irão começar, outros ainda terão que esperar, e outros nem chegarão a ter. Uns têm uma semana, outros duas, outros o mês, outros nem horas. Outros não trabalham fora mas merecem as férias na mesma [já estive nessa situação e sei do que falo]. Uns ficarão em casa, outros irão para hotéis, outros para destinos longe e outros ainda para outros continentes. Não interessa para onde se vai, interessa pausar a cabeça, deixar de fazer lancheiras, deixar de estacionar mil vezes por dia, deixar de usar maquilhagem e ter o cabelo sempre impec. Agora a rainha é a trança. Já cá está. Todos os dias.

Porque o que são as férias?! Não será descansar daquelas rotinas que podemos, e devemos abdicar?! Do chegar a horas, do ter em ordem mil coisas, dos testes aos projectos cumpridos a pente fino?! Soube tão bem hoje enviar emails de trabalho a desejar Boas Férias, saber que o tablet fica parado, que não tenho folhas de Excel para preencher nem despertadores para cumprir.

Amanhã é novo mês. O da M. Da minha Mãe. 

** 

Advertisements