Hands on me.

Sempre tive um fascínio por mãos. Desde muito pequenina. Tenho decoradas as mãos de quase todas as pessoas que conheço e fixei todos os detalhes das mãos de quem me marca. É através das mãos que comunico e através das mãos dos outros que vejo o que querem, entre mãos, dizer. É através das mãos que me ligo ás pessoas. É através das mãos que tento adivinhar nos outros o que sentem, o que pensam e do que gostam.

Estas são as mãos do meu Pai. Sei que estão apreensivas mas cheias, cheias, de esperança. Tal como as minhas.

**

Advertisements