Domingos.

Que bom que o Netflix não ganha sempre, que não vencem os écrans e o scroll down. Que bom que ainda são os livros aquilo que verdadeiramente mais aprecio. Domingo de chuva, de muita chuva, de muito vento.

Amanhã arranca outra semana. Que nesta trabalhe a sério que na passada ganhou a febre e embora tenha feito tudo, não estive com o afinco necessário.

**

Sejas bem vindo, Março…

Março é aquele mês que traz os primeiros raios de sol daqueles que aquecem, as primeiras roupas leves, os dias maiores já à descarada sem ser forrados a timidez, o primeiro desabrochar das flores, o verde dos campos, o contraste do azul e verde.

Gosto muito de Março, do arranque da Primavera, do dia do Pai (que este ano não sei como vou viver), do dia da árvore, do sol a raiar logo de manhã, dos dias a alongar e aquela sensação de que temos mais horas para gastar…

Março entra agora. Que seja forrado a saúde.

**