28/…

Esta quarentena está a deprimir-me. Não era preciso muito eu sabia, pensei era que ao dia vigésimo oitavo (ainda) tivesse muito mais energia. Quero só acreditar que isto é uma má fase do mês, que logo, logo chegam os dias bonitos e cheios de sol. Sei que não sou a única a estar em baixo. Que há muita, muita gente assim.

28 de não sei quantos. Aborrecida, muito aborrecida.

**