Night, Night

Da série “Um dia vou ter um gato”

**

Advertisements

Simple is the new luxury. 

Neste sábado chuvoso, de nevoeiro, com agitação e pessoas até mais não nos shoppings, já em casa, via na televisão pública aqueles programas que nos enchem as tardes de fim de semana. O cenário era Piódão. Eu adoro esta terra e praticamente nunca lá estive. Estive de passagem, uns 10 minutos, não vi nada, não conheço nada. Já poderia ter agarrado no carro e, mesmo sozinha, ter lá ido. Adoro aldeias de xisto, adoro estes cenários e se for Inverno têm ainda mais encanto. Fiquei maravilhada com a simplicidade e magia desta terra e acho mesmo que o interior vai ser, num futuro não muito longínquo, a próxima jóia da coroa.

Piódão, tenho mesmo que te conhecer.

**

Bom dia. 

Começa com um jogo logo assim na hora da geada e depois a conclusão desta saga que é embrulhar mil presentes, e comprar ainda os que faltam. Uff se me vejo livre disto..

Bom dia para esse lado.

**

Comfortable is the new black. 

Para mim é impensável andar às compras, palmilhar kilometros sem ter calçado confortável. Para mim saltos são cada vez mais uma raridade, para usar muito, muito raramente e durante muito poucas horas. Não sei como aguentava dias daqueles que pareciam ter mais do que 24 horas em cima de saltos agulha. Como era possível?! Se calhar é tudo um hábito e o hábito faz o monge, se tivesse, se tiver que voltar a usar profissionalmente, que remédio terei, mas enquanto estiver assim muito mais descansada quanto ao que as outras mulheres poderão pensar, sou muito feliz em cima dos ténis. É tão bom. 

**

Sem. 

Sem vontade. Sem paciência. Sem boa disposição. Sem energia. Sem apetite. Sem qualquer capacidade para as confusões das lojas. Ando assim. E tenho que ir às compras. E soube agora que para a semana trabalho. Socorro. 

**

Bom dia. 

E choveu toda a noite e continua.. Chove, aquela chuva forte alternada com a miudinha que incomoda, que chateia. Tenho cá para mim que me vou encostar de novo e dormitar.. [sim das coisas que mais gosto é dormir..]

Bom dia para esse lado

**

De coração. 

Sei que os conto pelos dedos das mãos. Sei que estão distantes, são muitas horas, muitos dias, muitos meses, muitos anos distantes de mim. São os Especiais. Porque há momentos em que sabemos que o coração está cheio porque sim, porque tenho amigas que me conhecem como as palmas das [nossas] mãos.

Obrigada é pouco. 

**